search
top

2×32 O valor de uma vida

Play

Neste episódio maior que os outros do Estilingue, vocês ficarão sabendo que Papai Noel também pode ser despedido, que a vida vale 60 Dólares e que a propaganda brasileira está começando a ficar corajosa.

Este episódio foi produzido em joint stereo em 12/12/2010. Todas as faixas musicais são cortesia de Music Alley. E todos os efeitos sonoros são do The Freesound Project.

00:00 Abertura.
00:36 Beautifully Mad – Billy’s Dream
04:31 A semana em revista.
08:28 A lojinha do Estilingue!
13:41 Trechinho do conto mais recente.
16:14 Corey Andrew – Dream
20:10 Papai Noel é demitido de loja nos EUA após piada de mau gosto. [link]
23:48 Veados se sentem ameaçados e atacam cadela nos EUA. [link]
27:53 “Facebook de marmotas” indica que bullying mantém grupo unido. [link]
32:32 Britânica salva suicida, mas recebe multa de estacionamento. [link]
36:27 Google terá que pagar 1 Dólar a casal por invadir propriedade. [link]
38:28 Cientistas desenvolvem material “mais preto do que o preto”. [link]
42:07 Nicholas Alan – One That I Dream About
46:18 Vale um clique: comerciais inteligentes.
62:00 Encerramento.
62:31 Billy Schafer – The Dream is Alive

Links citados:
Macabramente.com
• Comercial da Nissan Frontier [vídeo]
• Comercial da Nissan Livina [vídeo]

2×18 Viciados sem causa

Play

Temos explicação sobre o buracão que apareceu na Cidade da Guatemala! E ainda velhas russas em dia de fúria, freiras maconheiras e muito trocadilho sem-graça com meninos que sobrevivem na floresta com ajuda de macacos.

Notícia ruim e música boa!

Este episódio foi produzido em joint stereo em 13/6/2010. Todas as faixas musicais são cortesia de Music Alley. E todos os efeitos sonoros são do The Freesound Project.

00:00 Abertura.
00:32 Cherry Suede – What You Do to Me
03:57 Sobre o buraco na Guatemala.
11:00 Village Kid – Somethings Going On
14:29 Menino sobrevive na selva por oito meses com ajuda de macaco. [link]
20:02 Pôneis ingleses ficam viciados em novela. [link]
22:54 Viciados em internet chineses fazem rebelião em centro de reabilitação. [link]
26:38 Freiras são presas por plantar maconha no quintal de convento. [link]
28:38 Velhinha russa destroi loja de bebidas. [link]
31:46 Imagine Dragons – Hear Me
35:15 Pedrada da Semana.
41:02 Elizabeth Tryon – Fire Inside

Links citados:
– Podcast “Stuff you should know” do site How Stuff Works.
– Verbete da Wikipédia sobre dolinas.

1×26 Cubram suas vergonhas

Play

Peladas e peladões, uni-vos! O Estilingue desta semana chega sem nenhum pudor e mostra uma idosa sem roupas, uma padaria que não gosta de uma mulher que é um ‘pão’ e uma esposa alérgica ao marido. Mas sentimos vergonha das atitudes de uma certa universidade.

Notícia ruim e música boa.

Este episódio foi gravado na noite de 08 de Novembro de 2009, tem 1:06:52 de duração e foi produzido em stéreo. Todas as faixas musicais são cortesia de Music Alley.

Todos os efeitos sonoros são do The Freesound Project.

SHOWNOTES:

[00:26] «Ordinary Way» por Mike Shupp.
[03:08] Agradecimento aos ouvintes, uma promoção relâmpago, erramos e bate-papo sobre cerveja.
[10:30] Pedreiro é dado como morto e aparece no próprio velório no PR. [leia mais]
[15:35] Amante foge pela janela e é fotografado seminu em cima do ar-condicionado. [leia mais]
[17:45] Mulher descobre que é alérgica ao marido na noite de núpcias. [leia mais]
[21:25] Pai reencontra o filho após 16 anos e perde a esposa para ele. [leia mais]
[24:06] «High Noon» por A Big Guitar.
[27:24] Palavrão em nota de Schwarzenegger causa polêmica nos EUA. [leia mais aqui] [e aqui]
[32:10] Idosa alemã vende fotos eróticas para não falir. [leia mais]
[35:34] Britânica diz que foi obrigada a deixar trabalho em padaria por ser ’sexy demais’ e uma teoria feminina. [leia mais]
[39:54] «Apologies» por Grace Potter and the Nocturnals.
[44:46] O real valor da cerveja Corona e mais sobre este assunto etílico.
[48:08] Pedrada da semana: o caso Uniban. [leia mais]
[59:50] A promoção Retrospectiva Estilingue 2009 e um agradecimento para Fernando Barrocal.
[63:00] «Mary Lou – Operator» por Erik Scott Smith.

top